Marceneiro desaparecido é encontrado morto as margens da BR 406

As procuras pelo corpo do marceneiro José Antônio Soares da Silva, de 42 anos chegaram ao fim. Foi durante o fim da tarde de hoje que a Polícia Civil encontrou o corpo as margens da BR 406.
Desde o inicio da manhã de hoje, 05, policiais da delegacia de São Gonçalo do Amarante sob o comando do delegado Raimundo Rolim, procuravam em uma mata fechada nas proximidades de um canavial, em Ceará-Mirim algo que levasse ao paradeiro do marceneiro desaparecido há 12 dia.
Testemunhas disseram que a vitima desapareceu após sair do trabalho em Ceará-Mirim e seguir com os amigos para um churrasquinho na mesma cidade, era o dia 24 de abril. Na mesma noite ligou para o irmão por volta das 20 hs e disse que iria esperar a chuva passar para voltar para casa, em São Gonçalo do Amarante. “Foi visto pela última vez já no início da madrugada do dia 25 na moto seguindo para São Gonçalo”, conta o delegado Rolim.
Relembre o Caso:

Mais um desaparecido: Polícia Investiga

190 RN
Compartilhe no Google Plus