Cantor da banda Forró da Ostentação é flagrado com veículo roubado no RN

Os policiais constataram que os itens de identificação do veículo apresentavam sinais de adulteração


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou na noite dessa segunda-feira, no km 112 da BR 304, em Assu, uma caminhonete Hilux, ano 2014, de cor prata, por apresentar adulteração nos itens de identificação veicular.

No momento da abordagem, o veículo era conduzido por um cantor da banda Forró da Ostentação e circulava com a placa clonada FTM 7400,de São Paulo.

Ao procederem uma fiscalização mais detalhada, os policiais constataram que os itens de identificação do veículo apresentavam sinais de adulteração. Tanto o número do chassi, como o do motor estavam adulterados.


Após o desdobramento da fiscalização, constatou-se que a placa original da caminhonete era QGV 2109/RN e que a mesma havia sido roubada no mês de dezembro passado, em Natal.

Diante dos fatos foi dada voz de prisão ao condutor, sendo este encaminhado à Delegacia de Plantão de Mossoró, onde foi lavrado o flagrante por receptação.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A assessoria juridica do cantor Filho Araujo, vem por meio desta nota, esclarecer os fatos ocorridos na madrugada desta terça feira 02 de junho. O cantor foi detido em uma blitz realizada pela Policia Federal, quando deslocava-se de Natal para Mossoro na BR 304. Após os procedimentos de praxe, os policiais encontraram algumas alteraçoes e inconformidades no documento do veículo em detrimento às informações obtidas através dos sistemas da PF. Sendo assim, o cantor foi detido para prestar esclarecimentos, tendo em vista que, o automovel que o mesmo conduzia, foi adquirido de boa-fé pelo mesmo, tendo o seu pagamento sido comprovado atraves de depósitos bancarios em conta de terceiro. Acreditamos no trabalho de investigação da Policia Federal, e nos coloquemos à disposição da PF para que os fatos sejam esclarecidos, e que os culpados sejam devidamente punidos. É o que nos cabe esclarecer no momento, em respeito aos fãs e parceiros.

Fonte: PRF
JORNAL DE HOJE
Compartilhe no Google Plus