Polícia investiga se ossada achada no CE é de pescador desaparecido no RN

Imagem: Divulgação
A Polícia Civil do Ceará investiga se uma ossada encontrada nesta segunda-feira (2) pode ser de um dos pescadores que estão desaparecidos desde o dia 23 de abril da praia de Ponta do Mel, em AreiaBranca, cidade da região da Costa Branca potiguar. A ossada foi achada na praia do Iguape, no município de Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza. 

Na ossada, é possível ver apenas a cabeça e o tórax sem os membros superiores e inferiores. O pescador Manoel Moisés, que foi um dos primeiros a ver a ossada, disse que estava em casa quando um amigo o ligou informando que os restos mortais poderiam ser de um dos pescadores desaparecidos. "Moro aqui na localidade de Prainha. 

Um amigo me ligou e falou que viu o corpo, um achado de cadáver na praia. Devido à maré, eu não descarto que essa ossada seja de um dos pescadores desaparecidos lá do Rio Grande do Norte", disse. A Divisão de Homicídios e a Perícia Forense do Ceará (Pefoce) foram ao local verificar a ossada, que será encaminhada para o Instituto Médico Legal de Fortaleza. A Pefoce confirmou que a ossada estava sem os membros superiores e inferiores. Reforçou que, através da arcada dentária, será possível colher material genético e saber se a ossada pertence a alguns dos pescadores desaparecidos.

Passando na Hora
Compartilhe no Google Plus