Alunos respondem pichação homofóbica com um mural LGBT para defender professor gay.

Os alunos de uma escola primária de Newcastle, no Reino Unido, deram sua própria lição de aceitação depois de fazer uma demonstração de apoio a um professor gay da instituição.

Estudantes da Escola Primária Hotspur, em Heaton, decidiram enfeitar os portões da escola com corações arco-íris depois que o professor Miles Wallis-Clarke foi alvo de pichações homofóbicas na semana passada.

A polícia está investigando o incidente como suspeita de crime de ódio. Mesmo assim, Wallis-Clarke ficou lisonjeado com o apoio obtido por alunos e também seus pais.

Ele disse ao The Chroncle: “Havia um grafite enorme pixado do lado de fora da escola que era muito pesado e homofóbico falando de mim. Tenho certeza que ele foi feito ali justamente para pais e alunos verem”, disse ele.

E continuou: “Sou gay, não escondo isso na escola, sou muito aberto e falo sobre isso. Estou na escola há 15 anos e nunca tive nenhum problema parecido.”

Ao saberem disso, alunos se reuniram para pendurar corações pintados com arco-íris pela fachada do colégio, em uma demonstração espontânea de apoio de alunos e pais da instituição.

A Polícia de Northumbria está atualmente pedindo informações sobre o incidente homofóbico, que ocorre em um ano em que o ensino de lições inclusivas sobre LGBTQ sobre diversidade e aceitação nas escolas primárias dominou as manchetes.

“Ninguém deve ser vitimado por ser quem é e estamos levando esse incidente muito a sério – e tomaremos ações robustas contra os responsáveis”, disse a polícia sobre o caso à imprensa.

 

Com informações de Põe na Roda

The post Alunos respondem pichação homofóbica com um mural LGBT para defender professor gay. appeared first on CONTI outra.



source https://www.contioutra.com/alunos-respondem-pichacao-homofobica-com-um-mural-lgbt-para-defender-professor-gay/
Compartilhe no Google Plus