Para ter borboletas é preciso antes ser jardim

Você se lembra daquela frase do Pequeno Príncipe que diz: Se tu vens, por exemplo, às quatro da tarde, desde as três eu começarei a ser feliz? Sempre imaginei um encontro iminente quando pensava nessa frase. Algo como quando marcamos um cinema com uma pessoa especial. Mas hoje compreendo que pode acontecer uma vida entre as três e as quatro da tarde.

Talvez você esteja às três da tarde em sua vida e não tenha se dado conta de que uma pessoa boa e amorosa virá. Você está se preparando para ela? Você está se amando e cuidando de si como poderia? Você já arranjou um espaço bonito na sua vida para essa pessoa?

Alguns de nós já passaram das quatro, outros, como eu e talvez você, ainda estão vivendo o longo percurso entre as três e as quatro da tarde. Como você está vivendo esse momento? Como está sua crença sobre merecer ser realmente amada? Nunca se esqueça: quem acha que merece pouco, recebe pouco. Simples assim.

Tenho um amigo que acha que todo e qualquer elogio é falso. Que é impossível uma pessoa maravilhosa se apaixonar por ele. Então quando isso acontece, ele simplesmente afasta a tal pessoa de si. Ele tem medo de amar e está guardando sementes boas nos bolsos achando que toda terra é ruim. Ele deixou de acreditar e perdeu a capacidade de ser feliz na espera.

Busque no Pequeno Príncipe inspiração. Se arrume para o melhor com alegria. Busque pequenas singelezas e traga-as para sua vida. Faça-se bonita nessa espera. Semeia teu jardim com candura.

As borboletas virão às quatro horas e com elas o amor. Seja feliz já às três.

Acompanhe a autora Vanelli Doratioto

The post Para ter borboletas é preciso antes ser jardim appeared first on CONTI outra.



source https://www.contioutra.com/para-ter-borboletas-e-preciso-antes-ser-jardim/