Perigo: Asteroide passa muito próximo da terra pouco tempo depois de ser descoberto

Resultado de imagem para asteroide assustador
Imagem: Youtube
Um asteróide estimado em pelo menos 50 metros de diâmetro fez uma passagem assustadoramente próxima para a Terra no domingo de manhã apenas algumas horas depois de ter sido observado pela primeira vez por astrônomos.

O asteróide, chamado Asteroid 2018 GE3, estava mais próximo da Terra por volta das 2:41 da manhã, no dia 15 de abril, quando foi avistado a cerca de 119.500 milhas de distância, segundo relatórios da EarthSky.org . Isso é mais perto que a lua, que orbita a Terra a uma distância média de 238.900 milhas. GE3 também passou perto da lua naquela manhã em sua jornada ao redor do sol.

De acordo com EarthSky.org, o Asteroid 2018 GE3 poderia ser até seis vezes maior do que o meteorito de Chelyabinsk , que explodiu sobre a Rússia central em 2013. Quando a rocha atingiu a atmosfera, causou um clarão brilhante, e milhares de fragmentos caíram por toda a região. de Chelyabinsk, quebrando janelas e ferindo cerca de 1.500 pessoas. Se GE3 tivesse entrado na atmosfera da Terra, poderia ter causado danos semelhantes, se não mais severos.

O asteróide foi observado pela primeira vez pelo projeto Catalina Sky Survey, financiado pela NASA, baseado no Laboratório Lunar e Planetário da Universidade do Arizona em Tucson, Arizona.

Com informações da TIME
Compartilhe no Google Plus