Rogério Marinho critica decisão da Prefeitura em cobrar IPTU retroativo

O deputado federal Rogério Marinho (PSDB) criticou a decisão da Prefeitura em cobrar o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) retroativo desde 2006. Para o parlamentar, o município precisa utilizar melhor os impostos que já recebe e não sobrecarregar ainda mais a população.
 
"Não é possível que o Governo Municipal queira cobrar de forma retroativa um imposto que não se traduz em serviços adequados para a população. Melhor faria o município em utilizar bem os impostos que já recebe. Vamos esperar que a prefeitura repense esse tema", disse Rogério durante o programa "Pensar Natal" exibido nesta segunda-feira (17) na rádio 96 FM.
 
De acordo com o tucano, os péssimos serviços oferecidos pelo município de Natal refletem na alta taxa de inadimplência no recolhimento do IPTU. "Temos hoje um nível de inadimplência de mais de 40% no que tange ao recolhimento do IPTU. Isso se dá principalmente porque a população não reconhece que os recursos que ele contribui para o município estão sendo bem investidos", disse Rogério.
 
O programa "Pensar Natal" é transmitido de segunda a sexta-feira, às 13h, na rádio 96 FM. Edições anteriores do programa podem ser encontradas no site www.rogeriomarinhopsdb45.com.br.
Compartilhe no Google Plus