OAB: Magna recebe apoio das mulheres advogadas na reta final da campanha

Magna Letícia recebe apoio das mulheres advogadas na reta final da campanha para OAB/RN


Um evento para discutir a influência da mulher advogada no cenário local. Assim foi definido o encontro promovido na tarde desta quarta-feira (11) por um grupo de mulheres advogadas que atuam no Estado e que manifestaram seu apoio à candidatura de Magna Letícia para a presidência da OAB/RN.

Representante da Chapa 20 na disputa, Magna Letícia é candidata pela oposição e mantém a confiança de ser a primeira mulher a presidir a entidade em 83 anos de história no Estado.

Entre as advogadas presentes no encontro e que tiveram a oportunidade de discursar, todas citaram como principal problema da seccional regional a omissão da atual gestão em relação à valorização das profissionais. A advogada e procuradora do Município de Natal, Cássia Bulhões, também integrante da Chapa 20, iniciou o seu discurso citando a ausência da OAB/RN no cotidiano das advogadas. Ela destacou a militância e trajetória de Magna como uma esperança para a entidade. "A OAB não me representa, mas Magna tem a sensibilidade feminina, ela tem a postura e a necessidade de querer mudar. Eu acredito na capacidade dela em trazer a mulher advogada para dentro da OAB e fazer dela a nossa casa", salientou Cássia Bulhões.

As advogadas apontaram ainda dos prejuízos causados pela falta de representatividade da atual gestão da seccional potiguar. Uma das mobilizadoras do encontro, a advogada Hortência Melo fez uma convocação para todas as advogadas votarem em Magna Letícia como garantia da mudança que a OAB/RN precisa. "Eu acredito que, com Magna Letícia presidente, a OAB vai me respeitar como mulher advogada. Na próxima segunda-feira, dia 16, todas nós iremos pensar nesse mesmo sonho e nessa mesma esperança e iremos todas votar na Chapa 20", conclamou.

Dentre os compromissos assumidos em seu plano de gestão, Magna Letícia garante o cumprimento do Plano Nacional de Valorização da Mulher Advogada, que prevê cotas mínimas de advogadas na composição de todas as comissões.

Em resposta aos anseios expostos pelas advogadas, Magna enfatizou o seu propósito de representar os advogados potiguares na defesa das suas prerrogativas profissionais. "Os meus colegas advogados não se sentem acolhidos na nossa OAB, não se sentem em casa, e eu me lancei candidata com o ideal de mudar esse atual cenário", resumiu ela, definindo a campanha da Chapa 20 como voltada para atender as necessidades dos advogados. Em clima de confiança, Magna encerrou sua fala no encontro reiterando a certeza na vitória da sua chapa. "Nós estamos fazendo uma campanha limpa, idealista e rica de força, de firmeza e de responsabilidade, então vamos adiante à nossa vitória no próximo dia 16", ressaltou a candidata a presidente.


Fotos: Joana Lima
Compartilhe no Google Plus