Bolívia e Iran poderão entrar em acordo para uso de Nanotecnologia na Medicina e industrial

El presidente Evo Morales y de Irán, Hassan Rouhani. Foto:Cancillería

La Razón Digital / Carlos Corz / La Paz

O presidente Evo Morales lançou uma agenda de reuniões bilaterais em Nova York, Estados Unidos, antes de sua participação na Assembléia das Nações Unidas (ONU). Uma dessas reuniões foi com o presidente iraniano, Hassan Rouhani, que prometeu cooperação em diferentes áreas, incluindo a nanotecnologia. 

Na reunião, Morales também convidou seu colega iraniano para visitar a Bolívia e participar da cúpula dos países exportadores de gás prevista para novembro. "Nós ratificamos o convite para a Cúpula dos Países Exportadores de Gás que será realizada em novembro em Santa Cruz, Bolívia", disse o presidente em sua conta no Twitter. 

Na oportunidade, ambos os líderes concordaram com a importância de fortalecer a relação bilateral e trabalhar em aspectos como a transferência de tecnologia para a industrialização do gás e da nanotecnologia, que é uma tecnologia dedicada ao projeto e manipulação da matéria ao nível dos átomos ou moléculas para fins, por exemplo, industriais ou médicos.

O "Presidente do Irã ofereceu uma transferência de nanotecnologia para o desenvolvimento industrial, concordou em aprofundar as boas relações entre os países", disse Morales em outra mensagem em sua conta no Twitter de Nova York.

O embaixador da ONU, Sacha Llorenti, disse que também irá realizar reuniões com o novo chefe da Organização Mundial de Saúde (OMS), o representante do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e o Secretário Geral da Assembléia da ONU, Antonio Guterres. O presidente da Bolívia está falando na ONU na terça-feira. (20/09/2017)
Compartilhe no Google Plus