Jeanine Áñez assume presidência da Bolívia

Resultado de imagem para Jeanine Áñez"
Imagem: Ambito

Áñez assume a Presidência da Bolívia constituicionalmente depois que Evo Morales renunciou. 

A legisladora, representante do departamento de Beni lamentou a ausência dos deputados e senadores do MAS. Ele disse que garantirá as medidas necessárias para que o país possa ser pacificado, após mais de três semanas de conflito

Jeanine Áñez se declarou às 18:48 desta terça-feira(12), presidente da Bolívia , aplicando a sucessão constitucional e antes da vaga que existe nessa posição devido às renúncias e asilo no México que Evo Morales e Álvaro García Linera receberam, e as demissões de Adriana Salvatierra e Víctor Borda.

"Prometo tomar todas as medidas necessárias para pacificar o país" , disse a representante da oposição, no meio do apoio de sua bancada e de outros legisladores da oposição, depois de duas tentativas fracassadas de sessões nas Câmaras Alta e Baixa, por falta de quorum

A medida surge no meio de mais um dia de incerteza, durante três semanas de protestos contra fraudes nas eleições gerais de 20 de outubro, que levaram a uma revolta social que durou até agora.

“O povo boliviano está testemunhando que fizemos todos os esforços necessários para canalizar a presença dos membros da assembléia das três forças políticas. No entanto, os parlamentares do MAS não estavam presentes expressaram publicamente sua decisão de não participar e todos sabemos que o presidente e o vice-presidente apresentaram sua renúncia, deixando o país, refugiando-se em asilo no México, o que constitui um abandono de suas funções ”, disse o presidente agora transitório.

Com informações do EL Deber
Compartilhe no Google Plus