No G20 Bolsonaro critica protestos e não acolhe discurso de racismo



Rápida: A fala de Bolsonaro em reunião virtual do G20 foi recebida com muita ampreensão por parte dos presidentes das vinte nações e dos que diziam que o Brasil estava vivendo mais uma vez um triste momento de racismo. 

No discurso o presidente desentona a fala de uma parte da população sobre um possível racismo, em uma alusão ao que aconteceu com o João Alberto Silveira que foi morto após espancamento em um supermercado da rede Carrefour.

"O Brasil tem uma cultura diversa, única entre as nações. Somos um povo miscigenado"..... "Foi a essência desse povo que conquistou a simpatia do mundo. Contudo, há quem queira destruí-la, e colocar em seu lugar o conflito, o ressentimento, o ódio e a divisão entre raças, sempre mascarados de 'luta por igualdade' ou 'justiça social'. Tudo em busca de poder", disse.

A sua fala deixou a entender que os protestos se tratavam, na verdade, de uma conspiração. 
Compartilhe no Google Plus