Cursos de capacitação da Aliança Energia formam primeiras turmas em Lagoa Nova, São Vicente, Santana do Matos e Tenente Laurentino Cruz

Iniciativa faz parte das ações de instalação do projeto eólico Acauã e visa ampliar as oportunidades para população local.


Entre os meses de novembro e dezembro de 2020, a Aliança Energia realizou cursos de capacitação para os moradores dos municípios de Lagoa Nova, São Vicente, Santana do Matos e Tenente Laurentino Cruz, no Rio Grande do Norte. A ação é uma contrapartida à implantação do projeto eólico Acauã, que ofertou 60 vagas nos cursos de eletricista predial, pedreiro(a) de alvenaria e servente de obras e teve a parceria com instituições como SENAI e Instituto Federal do Rio Grande do Norte, além de contar com o apoio das prefeituras municipais.

Para realização das aulas, que foram presenciais, foi estabelecido um protocolo de saúde e segurança, aprovado pelos órgãos competentes, que incluiu local amplo, ventilado, o distanciamento social, uso de máscaras e higienização das mãos e ambientes.

Os profissionais inscritos, que preencheram 80% das vagas, poderão atuar de forma autônoma e também participar dos processos seletivos das vagas ofertadas pelas empresas contratadas para execução das atividades e obras.

Um dado interessante é que os cursos atraíram a participação de homens e também de mulheres, como Jésica Emanuele, de 19 anos, moradora de Santana de Matos, que está no curso de Eletricista predial. “Nunca imaginei participar desse curso. Quando veio a oportunidade eu não quis perder, porque é uma área muito boa de trabalhar, que requer muito cuidado, mas quando se tem amor pela profissão a gente abraça de qualquer forma”, comenta a novata.

Já segundo Benilton Medeiros, Coordenador de Educação do SENAI CTGAS-ER - Centro de Tecnologias do Gás e Energias Renováveis, a união entre a Aliança e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial está sendo extremamente relevante. “Para o SENAI, a parceria com a Aliança é uma importante forma de nos fazermos presentes no desenvolvimento industrial no setor de energias renováveis. Para nós, é fundamental estarmos presentes em todos os momentos da indústria, em especial nessa ocasião, que é o momento de implantação do projeto”, ressalta.




Sobre o projeto eólico Acauã

Consiste na instalação de 3 Parques Eólicos, com 109,2 MW de capacidade instalada, 26 aerogeradores, em 4 municípios do Rio Grande do Norte - Lagoa Nova, São Vicente, Santana do Matos e Tenente Laurentino Cruz.
Compartilhe no Google Plus