Uma fratura a cada três segundos acontece em todo o mundo, revela dados


As fraturas ósseas são acontecimentos muito frequentes. Classificadas por alguns critérios de gravidade, geralmente podem ser definidas como uma ruptura parcial ou total do osso. De acordo com o ortopedista do Hapvida Saúde, Osvaldo Lara, nas crianças, essas lesões acontecem geralmente nos membros superiores.

‘‘ Os locais mais comuns de fraturas nos pequenos são no punho, cotovelo e o ombro. Nessa faixa etária infantil os ossos desenvolvem melhor e ficam consolidados mais rápidos, por isso o tratamento é encerrado com mais eficiência’’, diz o especialista.

Já nos adultos e idosos, uma queda, por exemplo, requer ainda mais atenção porque os ossos são menos resistentes. Em todo o mundo, uma em cada três mulheres e um em cada cinco homens com idade igual ou superior a 50 anos sofrerá uma fratura provocada pela osteoporose.

Aproximadamente 200 milhões de pessoas estão afetadas por esta doença, o que resulta em uma fratura a cada 3 segundos. Os dados da Fundação Internacional de Osteoporose (IOF – International Osteoporosis Foundation) mostram que o cuidado é essencial.

‘‘A realização de exames radiológicos confirma o diagnóstico de fraturas. É importante imobilizar imediatamente o membro lesionado. Essa ação, além de evitar uma piora no quadro, ajuda a diminuir a dor. Ao presenciar ou ter alguma fratura é necessário procurar o médico ou ligar para o SAMU (192) e Corpo de Bombeiros (193)’’, finaliza Osvaldo Lara.

Editor Local Saúde: Willen Benigno de Oliveira Moura
Compartilhe no Google Plus