Ômicron: Mundo está em alerta com nova cepa, Ministro fala em "evitar aglomerações"


É uma verdadeira "corrida contra o tempo" mundial, após o anúncio de uma nova variante do coronavírus. Ômicron, um nome que mais parece filme de ficção, que significa a décima quinta letra do alfabeto grego, já coloca todos em alerta. 

Muitos países já confimaram casos da nova cepa. Recentemente o Diário Potiguar noticiou que apenas em um aeroporto de Amsterdã, 61 passageiros foram diagnosticados com o coronavírus (ainda a confirmar se trata-se da nova cepa).

A presidente da Comissão Européia, Ursula von der Leyen, alertou, neste domingo(28), durante uma visita à Letônia, que os cientistas precisarão de semanas para entender completamente a nova variante.

Os países estão se mobilizando ao passo que mais casos estão sendo identificados. Como se sabe, Omicron foi identificada pela primeira na África do Sul, onde houve um alerta sobre o número excepcionalmente alto de mutações na quinta-feira(25). Desde então, pelo menos 12 outros casos confirmados da nova cepa, com vários outros relatos de suspeitos e ao decorrer de poucos dias, a variante foi encontrada em Botswana, Bélgica, Canadá, Austrália, Holanda, Dinamarca, Reino Unido, Alemanha, Israel, Itália, República Tcheca e Hong Kong.

Aqui no Brasil, o Ministro da Saúde Marcelo Queiroga disse neste domingo (28) que o país está preparado, confirmando que há leitos e vacinas disponíveis, no entanto, recomendou à população evitar aglomerações para impedir transmissão do vírus. 

A péssima notícia é que essa descoberta de uma nova cepa e sua rápida disseminação são um lembrete de que a pandemia está longe de terminar.

Por Willen Moura em "Bem Pra você"
Compartilhe no Google Plus